Nossos Serviços

Nosso objetivo é oferecer apoio ao desenvolvimento e facilitar a aprendizagem das crianças, treinando familiares e multiplicadores, a fim de promover o potencial máximo de cada indivíduo através de práticas baseadas em evidências científicas.



Fonoaudiologia

O serviço de Fonoaudiologia, coordenado pela Dra. Raquel Lobo, realiza prevenção, triagem, avaliação (diagnóstico / diagnóstico diferencial), acompanhamento e intervenção fonoaudiológica nos diversos transtornos da comunicação (oral e escrita) / fala / linguagem humana, tais como:

• Distúrbio específico da linguagem (DEL)
• Atraso Simples de Linguagem
• Distúrbio na Comunicação Social (tea)
• Desvios Fonéticos e Fonológicos (dislalia / alterações na emissão fonêmica)
• Distúrbios na Expressão e Compreensão da Linguagem
• Distúrbio de Leitura e Escrita / Aprendizagem
• Dislexia
• DPAC - Dist. do Processamento Auditivo Central
• Apraxia de Fala
• Orientação para pais e escola
• Assessoria e intervenção em Instituições escolares
• Cursos, Treinamento e Palestras
• Supervisão na área de Fonoaudiologia

A Fonoaudiologia conta com a Daniela Martins Buchholz, fonoaudióloga especializada em atendimento pediátrico e experiência com crianças com TEA e transtornos de linguagem.

Dra Raquel Lobo, fonoaudióloga, coordenação e supervisão da Fonoaudiologia.

Terapia Ocupacional

O serviço de Terapia Ocupacional coordenado pela Dra. Virna Moreira, realiza prevenção, avaliação (diagnóstico/diagnóstico diferencial), acompanhamento, intervenção Terapêutica Ocupacional e de Integração Sensorial, nos transtornos do desenvolvimento e nos distúrbios sensoriais, tais como:

• Atraso nas Aquisições do Desenvolvimento
• Desmodulação sensorial
• Dificuldade no brincar funcional
• Distúrbios motores
• Apraxia Global
• Alterações de Tônus (hipotonia, hipertonia, flutuação tônica, etc)
• Dificuldade na socialização
• Seletividade Alimentar
• Dificuldades escolares
• Transtornos Globais do Desenvolvimento
• Transtornos do Espectro do Autismo (TEA)
• Déficit de Atenção/Concentração e Hiperatividade (TODA e TDHA)
• Déficit de Aprendizagem;
• Orientação para pais e escola
• Assessoria e intervenção em Instituições escolares
• Cursos, Treinamento e Palestras
• Supervisão de Terapia Ocupacional

 
 

Psicopedagogia

O serviço de psicopedagogia coordenado pela Dra. Ligia Campos realiza prevenção, avaliação, diagnóstico diferencial, acompanhamento e intervenção psicopedagógica nos diversos transtornos e dificuldades de aprendizagem, tais como:

• Dificuldades de aprendizagem em geral
• Dificuldades e transtornos de atenção, concentração e hiperatividade (TDA/TDHA)
• Dificuldades com leitura, escrita e cálculos (discalculia, disortografia)
• Transtorno do Espectro Autismo (TEA)
• Transtornos Globais do Desenvolvimento (TGD)
• Orientação para pais e escola
• Adequação de atividades escolares (escola/casa)
• Assessoria e intervenção em instituições escolares
• Cursos, treinamentos e palestras
• Supervisão psicopedagógica

Adequação de Atividades Escolares

Serviço específico de adequações de atividades escolares, realizado de forma individualizada, para uso no ambiente escolar e domiciliar. Desta forma, favorecemos o desenvolvimento cognitivo, afetivo e social dos indivíduos.

Equipe de Adequações Escolares: Eline Vasconcelos, Ligia Campos e Kelma Peres.

 
 

Atendimento / Avaliação Interdisciplinar

Para alguns casos, oferecemos avaliação e intervenção interdisciplinar (dois profissionais de áreas distintas atendendo de forma conjunta), pois o olhar multiprofissional enriquece o processo avaliativo, facilitando a compreensão do quadro comportamental da criança e posterior devolutiva à família, com entrega de relatórios individualizados.

No acompanhamento, a atuação multi e interdisciplinar, otimiza a evolução dos aspectos trabalhados, favorece a troca de informações entre os profissionais, facilita o gerenciamento das dificuldades, e integra os saberes de forma teórica e prática.

Atendimento em Grupo

Os atendimentos em grupo são sugeridos para crianças que necessitam ser estimuladas na socialização, regras sociais, jogos compartilhados, atividades motoras e sensoriais amplas, gerenciamento alimentar (seletividade alimentar), gerenciamento de conflitos, uso da comunicação social (diálogo / narrativa), entre outros.

A intervenção em grupo é estruturada, tem duração de 50 minutos, conta com dois profissionais e um limite máximo de crianças. Além disso, os grupos são pensados respeitando a faixa etária, desenvolvimento cognitivo e perfil comportamental das crianças que os integrarão.

 
 

Psicologia

O serviço de Psicologia realiza avaliação (psicodiagnóstico e avaliação neuropsicológica), acompanhamento, intervenção psicoterapêutica e neuropsicológica, nos transtornos do desenvolvimento e nas psicopatologias infantis, atuando em situações tais como:

• Dificuldades de Aprendizagem;
• Transtornos Globais de Desenvolvimento;
• Transtorno do Espectro Autismo (TEA);
• Transtornos de Comportamento;
• Transtornos de atenção, concentração e hiperatividade;
• Transtornos de Ansiedade e do Humor;
• Transtornos do Comportamento Alimentar;
• Transtornos de Eliminação (Enurese e encoprese);
• Avaliação Cognitiva;
• Treinamento de Habilidades Sociais;
• Orientação para pais e escola;
• Assessoria e intervenção em Instituições escolares;
• Cursos, Treinamento e Palestras;
• Supervisão na área de Psicologia

Nutrição

A seletividade alimentar é caracterizada pela recusa total ou parcial de determinados alimentos, o que pode se tornar uma preocupação para os pais quando envolve um grande número ou diferentes tipos de alimentos. Isso pode repercutir em carência nutricional importante, prejudicando o crescimento e desenvolvimento da criança. O início da seletividade alimentar costuma coincidir com o período de introdução aos alimentos sólidos. Pode ser apenas uma fase transitória ou se agravar, se as condições não forem favoráveis.
A seletividade pode estar associada a cor dos alimentos, textura, temperatura, tipo de preparação culinária. Além disso, há crianças seletivas que não toleram o odor do alimento.
E como atua a nutricionista nestes casos? Identificando o tipo de seletividade alimentar da criança e ajudando a família a encontrar estratégias para a introdução dos novos alimentos e de um cardápio variado e saudável, com o objetivo principal de evitar atrasos no crescimento e desenvolvimento da criança.

 
 

A terapia ABA

A Análise do Comportamento Aplicada (ABA) envolve a aplicação de princípios e de procedimentos comportamentais provenientes da ciência Análise do Comportamento, embasada na filosofia do Behaviorismo Radical, em prol de resolver problemas de importância social. Com isso, o trabalho desenvolvido pelo terapeuta fundamentado na ABA visa investigar sobre as variáveis mantenedoras do comportamento, para assim realizar manipulações nessas variáveis, a fim de aumentar a frequência do comportamento socialmente relevante e/ou diminuir a emissão do comportamento considerado problema. A investigação inicial envolve uma avaliação minuciosa de todo o repertório do indivíduo, verificando as habilidades que ele já apresenta e o que ainda precisa desenvolver, de acordo com a sua faixa etária. Essa verificação ocorre no setting terapêutico e em ambiente natural do indivíduo, com visitas ao lar e à escola, de maneira processual e após um período de ensino. Após a avaliação inicial, programa-se o ensino de habilidades por meio do desenvolvimento de currículos de ensino personalizados, conforme as necessidades específicas do indivíduo. Esse trabalho é realizado em equipe e priorizará a aquisição, a manutenção e a generalização de comportamentos, em um mínimo de 20h semanais, as quais são inseridas de maneira gradativa, conforme a aceitação do indivíduo. Desse modo, os serviços estão voltados a indivíduos diagnosticados com TEA ou com outros atrasos nos marcos do desenvolvimento humano. Outros serviços prestados são:

• Orientação para pais e escola;
• Assessoria e intervenção em Instituições escolares;
• Cursos, Treinamento e Palestras;
• Supervisão de Psicologia em ABA.

Realizamos o teste da orelhinha (emissões otoacústicas) e da linguinha

O teste da orelhinha é imprescindível para detecção precoce de possíveis perdas auditivas. Esta triagem é obrigatória por lei. Agende a avaliação do seu bebê!